983706779

sábado, 9 de julho de 2011

Site lista 4 razões para o Skype temer o Google Hangouts

Na noite de quarta, o Google liberou uma leva de convites para o Google+, mas a festa durou pouco tempo. Foto: Reprodução
Ferramentas do Google ganham em interatividade
Foto: Reprodução

 



Uma das mais importantes ferramentas da recém lançada rede social do Google, o Google+, é o Hangouts - um serviço que permite bate-papo em grupo e por vídeo. Há pelo menos quatro razões para o Skype temer esta ferramenta, segundo o site Business Insider

A primeira razão seria que a experiência de vídeo do Google+ é muito mais 'social' que a do Skype. Pela rede social, é possível convidar qualquer pessoa para uma coversa com vídeo, desde que ela esteja online no Google+. Já no Skype isso não acontece, até mesmo na integração com o Facebook: para iniciar um bate-papo em vídeo, a outra pessoa precisa ser do 'círculo social' de quem convida.

O segundo ponto é que o Hangouts é totalmente livre e de graça. Não se paga por nenhum tipo de chamada. Não é necessário fazer download de software e nenhum tipo de plugin. É possível fazer uma conferência sem algum custo. Já no Skype, para reunir várias pessoas em uma chamada é preciso pagar de US$ 4,49 a US$ 8,99. 

O Business Insider argumenta também que o Google+, o Hangouts e o YouTube são totalmente integrados, o que possibilita gravar e compartilhar vídeos com mímica e sinais por exemplo, na rede social. Já a integração do Facebook com o Skype não apresenta algo similar. 

O quarto e último ponto é que o sistema do Skype é fechado - ao contrário do Hangouts. Recentemente, o Skype forçou o Firing, um serviço de compartilhamento de arquivos em dispositivos móveis, a remover a oferta de chamadas de vídeo pelo Skype. 

Fonte: Terra
Postar um comentário
UA-15674926-13