983706779

segunda-feira, 12 de março de 2012

Kony 2012 é o viral mais rápido da história

 
Objetivo é tornar o rosto deste criminoso conhecido
 
São Paulo - A companhia de métricas Visible Measures Corp divulgou um relatório afirmando que o documentário sobre Joseph Kony, um líder rebelde de Uganda, já é o viral de mais rápida expansão na história da internet.

Segundo a Visible Measures, o documentário sobre Kony foi visto mais de 70 milhões de vezes em apenas quatro dias. Este número supera a audiência do vídeo da cantora Suzan Boyle, que somou 40 milhões  de visualizações em 2009 e, na época, foi considerado o viral mais rápido da internet.

O vídeo é uma denúncia dos crimes cometidos por Kony em seu país. O rebelde é acusado de sequestrar mais de 60 mil crianças, abusar sexualmente de mulheres, assassinar opositores e transformar garotos de até 10 anos em soldados.


Kony libera uma milícia que se auto-intitula “Lord´s Resistence Army” (LRA).

O vídeo foi gravado pela ONG Invisible Children e tornou-se um sucesso não só no YouTube, mas também no Facebook e Twitter, onde soma 2,2 milhões de fãs e 480 mil seguidores, respectivamente.

Além de denunciar os crimes, o objetivo do viral é tornar o rosto de Kony conhecido no mundo, de forma que ele possa ser identificado e preso. Kony é o homem mais procurado pelo governo de Uganda.

aa 
 
Postar um comentário
UA-15674926-13