983706779

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Redes Sociais; você precisa delas?

Redes Sociais; você precisa delas?

Muitas pessoas sabem que as redes sociais viraram febre mundial, onde se transformaram não em apenas ferramentas capazes de dar voz a seus usuários, mas sim, capazes de mudar a personalidade de quem as usam. Pesquisas recentes indicam que a crescente necessidade de se estar permanentemente conectado a elas, fazem com quem as use se viciar as mesmas.

De acordo com o analista da companhia de consultoria Altimeter Group, Brian Solis, declarou que; “As redes sociais viciam porque seus usuários querem passar muito tempo conectados a elas para ver como os outros respondem a tudo que é compartilhado”.

Uma pesquisa  realizada em 2011 pela Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, onde mil usuários dessas redes, divididos em 37 países passaram 24 horas sem internet e outros meios de comunicação; após esse dia, cerca de 20% dos alunos manifestaram uma síndrome de abstinência tecnológica com sintomas de desespero, vazio e até mesmo ansiedade.

Outro terço desses alunos, responderam preferir ficar sem álcool, cafeína ou chocolate pelo período de uma semana, ao ter que deixar de usar temporariamente seus telefones ou a internet.

Foi publicado este mês passado na revista Personality and Individual Differences, uma pesquisa que apontou que de quase 300 pessoas pesquisadas entre 18 a 65 anos, usam essas redes para se aproveitarem dos outros. Conforme a pesquisa, essas atitudes eram mais perceptíveis em usuários que possuíam mais amigos em sua rede social.

O uso das redes chegou a um ponto que de acordo com a Universidade de Maryland, a maneira de como as pessoas se relaciona nelas, contribui para criar a identidade do usuário frente aos outros e até a ele mesmo, algo que não é necessariamente negativo.

Para Solis, “Qualquer pessoa tem a oportunidade de se tornar famoso no mundo digital e as empresas e as marcas já perceberam que podem explorar bons resultados quando se relacionam com pessoas que conseguiram ter um status na rede”, explicou ele a The Rise of Digital Infuence.

Sendo assim, qual é seu perfil no mundo das redes sociais? Você conseguiria ficar 24 horas sem acessá-las? Faça você mesmo seu diagnostico.

Oficina da Net
Postar um comentário
UA-15674926-13