983706779

terça-feira, 5 de junho de 2012

Chromebox, o computador Google

 

Enquanto smartphones e tablets ganham a passos largos o espaço que já foi hegemônico dos computadores de mesa (desktops) e depois dos notebooks, o Google vai na direção contrária e lança o seu primeiro produto nesta linha, além de atualizar a versão do seu laptop, o Chromebook. O computador de mesa, que é uma caixinha pequena e bem portátil, é fabricado pela Samsung e equipado com processador Intel, assim como o Chromebook. Ambos produtos foram anunciados no blog oficial do Google.

Jornada na nuvem

A empresa define o sistema operacional do Chrome como o novo passo nesta jornada em um nicho do mercado de tecnologia ainda inexplorado e baseado em grande parte no arquivamento de conteúdo na nuvem, a partir do Google Drive. Além, é claro, da integração completa com as ferramentas da empresa, como Gmail, YouTube e Google Docs.

Caixinha do Google

O Chromebox é uma caixinha com processador Intel Celeron B840 de 1,9 GHz, 4 GB de RAM, Wi-Fi dual-band, 6 portas USB 2.0, porta Ethernet Gigabit e duas DisplayPort++ para conexão HDMI, DVI ou VGA — as saídas de vídeo, no entanto, ainda não proporcionam a utilização de mais de um monitor ao mesmo tempo, segundo sites especializados norte-americanos que tiveram oportunidade de testar o computador do Google. Apesar de ter processador com a denominação “Celeron”, o Google destacou que os celerons que virão nos Chromes já são da família Sandy Bridge e que são três vezes mais rápidos do que os seus antecessores.

Chrome OS

Com a atualização lançada na semana passada, o Chrome OS transforma o que era inicialmente apenas um navegador em sistema operacional para controlar todas as ações do computador ou laptop. Todas as funcionalidades são parecidas com a de um sistema operacional e que promete ser um potencial concorrente do Windows para PCs e do Leão da Montanha para Macs.

Agilidade

A ênfase do Google é a velocidade e a empresa promete que a máquina esteja sempre pronta para iniciar as atividades em apenas sete segundos. Neste sistema será possível baixar novos aplicativos. Com uma interface nova e que permite ao usuário escolher entre tela cheia, abas e janelas independentes abertas ao mesmo tempo. O OS do Google também passa, após essa última atualização, a permitir aceleração gráfica via-hardware e compatibilidade com multitoques no touchpad.

Configurações

Com a atualização do sistema operacional, o Google também mostrou o novo Chromebook, que é o laptop da empresa, fabricado pela sul-coreana Samsung. O Chromebook tem processador dual-core Celeron 867 de 1,3 GHz, 4 GB de RAM, tela de 12,1 polegadas e resolução máxima de 1200×800, além de compatibilidade com redes Wi-Fi e 3G, duas portas USB 2.0, leitor de cartões 4-em-1. A promessa é que a bateria suporte até oito horas de uso.

Postar um comentário
UA-15674926-13