983706779

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Cérebro virtual da Google


Tecnologia deverá ser usada no reconhecimento de voz.


A tecnologia de cérebro virtual da Google foi exibida no início deste ano, quando engenheiros revelaram que esta era capaz de reconhecer as caras das pessoas e até de gatos, visualizando apenas clipes do YouTube. Agora, a tecnologia está sendo lançada em produtos Google, com os serviços de reconhecimento de voz a serem os primeiros a recebê-la.

Denominada “rede neural”, esta nova tecnologia Google tem o objetivo de funcionar como o cérebro humano, com as células a comunicarem umas com as outras de forma independente, sem contribuição humana. Em termos de reconhecimento de voz, esta tecnologia consegue agora identificar mais palavras e de forma mais precisa, o que significa que os utilizadores não vão ter tantas objeções desagradáveis ao usarem os serviços de voz da Google.

"Obtivemos entre 20 e 25 por cento de melhoria em termos de palavras que estão erradas", afirmou o guru da rede neural da Google, Vincent Vanhoucke. "Isto significa que muito mais pessoas terão uma experiência perfeita, sem erros."

Diz-se que esta tecnologia também será capaz de ajudar projetos futuristas como o Google Project Glass e os carros com piloto automático da empresa. Para já, a ferramenta de reconhecimento de voz baseada na rede neural funcionará apenas com inglês norte-americano, mas esperam-se mais notícias nos próximos meses.

Postar um comentário
UA-15674926-13