983706779

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Em dúvida? Saiba se você deve comprar o novo iPhone 5

Para determinar se vale a pena mudar para o novo modelo é preciso considerar alguns fatores como custo, o que você tem agora e o que você realmente iria usufruir 

Por Lex Friedman, Macworld/EUA
Desenvolvido por:

Quando a Apple lançou o iPhone 5 na quarta-feira passada, 12/9, os donos de iPhone em todos os cantos fizeram a mesma pergunta: vale a pena comprá-lo? Assim como em muita coisa na vida, a resposta é talvez.

Para determinar se vale a pena mudar para o novo modelo é preciso considerar alguns fatores como custo, o que você tem agora e o que você realmente iria usufruir.

Custo

Para alguns leitores sortudos, talvez o dinheiro não seja problema. Você pode parar de ler, se preparar para fazer a pré-compra de um iPhone 5 a qualquer preço e então começar a buscar por um case sólido de ouro para colocá-lo dentro. Para o resto de nós, no entanto, o custo é uma preocupação chave - especialmente no Brasil em que geralmente temos os aparelhos iOS mais caros do mundo.

Ainda não sabemos quando o aparelho estará disponível para a venda no Brasil - provavelmente até o final do ano. Mas se a sua opção for comprar lá fora, prepare-se para gastar no mínio US$ 650 dólares pelo modelo de entrada, de 16GB, desbloqueado, nos Estados Unidos, segundo informações da Apple. A versão seguinte, com 32GB, sai por 750 dólares, enquanto que a mais completa, com 64GB, custa 850 dólares.

Representantes da Apple afirmaram ao The Verge que a versão desbloqueada do iPhone 5 não chegará às lojas na próxima sexta, 21/9, data do lançamento oficial do smartphone. Na ocasião, só será possível comprar o aparelho por meio de planos atrelados a operadoras locais, como AT&T e Verizon.


Recurso de fotos panorâmicas do iPhone 5

Sai o muito velho, entra o novo
Se você ainda está usando um iPhone 3GS, o 3G ou o primeiro iPhone, sim, é hora de você migrar para o iPhone 5. Trocar o seu antigo iPhone pelo iPhone 5 será um bom negócio, assim como foi quando você trocou um celular qualquer pelo iPhone.

As melhorias feitas no iPhone durante os anos, desde o modelo 3GS, são várias: você terá a tela Retina, com textos mais definidos e imagens mais nítidas em qualquer lugar, conexões de dados e wireless significativamente mais rápidas (ainda que não possa usufruir do 4G no Brasil), uma câmera substancialmente melhorada, sem mencionar a câmera dianteira e um dispositivo dramaticamente mais rápido no geral. Os ganhos de velocidade com o iPhone 5 parecerão ainda mais impressionantes para as pessoas que se acostumaram com o desempenho relativamente limitado dos iPhones mais antigos.

Também vale a pena notar: o iOS 6, que chegará no dia 19 de setembro, não irá funcionar no iPhone original e no iPhone 3G. No iPhone 3GS, você perderá muitas ferramentas do iOS 6, incluindo a transmissão de fotos compartilhadas, FaceTime, modo de fotografia panorâmico, e lista de leitura offline.

Ah! A menos que você tenha adquirido seu iPhone 3GS recentemente, o preço de atualização vindo de um modelo mais antigo de iPhone deve ser razoável. 



E para donos do iPhone 4, vale a troca?
A decisão para os donos do iPhone 4 é mais complicada. O iPhone 4 continua sendo um aparelho poderoso. No entanto, assim como o iPhone 3GS, ele não possuirá várias características novas do iOS 6, como o FaceTime pela rede de celular 3G e o Panorama (para fotos panorâmicas).

Para quem fala bem inglês e costuma usar o recurso fora do Brasil, o Siri, mesmo ainda que em fase beta, está ficando cada vez mais poderoso com o iOS 6 e o iPhone 5. A inveja que você sentia quando os usuários do modelo 4S usavam o Siri apenas crescerá com a proliferação de iPhones 5.

Mas as diferenças de software não são apenas as coisas que os usuários de iPhone 4 vão ficar sem, em comparação aos que possuírem o iPhone 5. Além da diferença imediatamente aparente, a tela maior do iPhone 5 oferece uma variedade de melhorias distintas sobre o iPhone 4.

Pegue o processador, por exemplo. O iPhone 4 utiliza o processador A4, da Apple. A empresa diz que o chip A5 no iPhone 4S oferece um desempenho de gráficos sete vezes melhor e um desempenho de CPU duas vezes melhor. O iPhone 5 utiliza um A6, que a Apple diz oferecer duas vezes o desempenho em gráficos e CPU que o A5 oferece. Isso coloca as melhorias do iPhone 5 14 vezes acima no processamento gráfico e 4 vezes nas tarefas de CPU em relação ao iPhone 4 . Isso é muito.

Alie as características de software e a melhoria no processador com a câmera do iPhone 5, o áudio e as melhorias de rede, e você terá razões convincentes para comprar o iPhone 5. 

iPhone 5 à esquerda do 4S: novo modelo é maior, mais fino e traz padrão de chip diferente


4S ou não 4S: eis a questão
O último grupo de compradores em potencial do iPhone 5 é o formado por donos do modelo 4S. Para eles é bem mais difícil tomar a decisão de adquirir o iPhone 5. Primeiro, vejamos o que eles não deixarão de ter: ao contrário dos donos de modelos mais antigos, os donos de iPhones 4S poderão contar com todas as vantagens do uso do iOS 6, ao menos fora do Brasil. Aqui no país, recursos como os avanços do Siri (reservas de restaurantes e integração com o Facebook) e os mapas 3D, informações de trânsito, indicação de caminhos por voz, não funcionarão nem no iPhone 5, nem no iPhone 4S.

E quanto aos avanços de hardware? O iPhone 5 tem uma tela maior, duas vezes o desempenho de CPU e gráficos, uma rede melhorada (aqui no Brasil a falta de suporte 4G compromete um bocado esta vantagem), e uma vida de bateria levemente maior. Ambas as câmeras do iPhone 5, tanto a dianteira quanto a traseira, são melhores do que as que o iPhone 4S oferece. Mas, pelo menos até você ter visto o iPhone 5 pela primeira vez, é possível que a tela do iPhone 4S nunca tenha aparentado ser particularmente limitada, e seus correspondentes do FaceTime possivelmente não reclamaram durante as conversas em vídeo nas quais faltava uma maior definição.

Não entenda mal: Enquanto ainda não tivermos a chance de analisar o iPhone 5, todos os sinais apontam para ele pode ser outra atualização satisfatória na linha iPhone. Mas o confortável caminho de atualizações evolucionárias da Apple, por definição, significa que você pode ficar em um iPhone anterior sem sentir que vai perder muita coisa.

Já que os proprietários de iPhones 4S ainda não têm um ano de uso do aparelho, o preço de atualização será excessivo, e as melhorias reais do iPhone 5 os afetarão menos do que afetarão a outros clientes Apple proprietários de modelos mais antigos. Provavelmente não haverá problema em não gastar com o preço não subsidiado por um novo celular, e isto também dá um descanso para sua conta bancária. 
 
Postar um comentário
UA-15674926-13