983706779

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Caso de traição repercute nas redes sociais

Google Imagens
Notícia sobre a mulher que terá de pagar indenização à amante do ex-marido ganha destaque nacional

MILENE GÓES

A notícia publicada com exclusividade pelo BOM DIA, dando conta de que a advogada Vivian Oliveira, 37 anos, terá de pagar indenização de cem salários mínimos a Juliana Cordeiro, 36, acusada de ser amante de seu ex-marido, literalmente deu o que falar nas redes sociais. 

Conforme dados do Google Analytics (sistema que contabiliza acessos ao portal), até as 20h de ontem foram registrados 100.47 mil acessos à reportagem.

Além disso, as manifestações dos leitores foram inúmeras. A maioria questionando a decisão judicial e dando apoio à advogada.

A notícia também foi destacada no Portal Terra – um dos maiores sites de notícias do país, parceiro da Rede BOM DIA. Com o título: “Mulher terá que pagar indenização de R$ 67 mil à amante do marido”, a chamada saltou aos olhos de milhares de brasileiros que imediatamente publicaram comentários de apoio ou de repúdio à decisão da Justiça.

Não se manifesta / O BOM DIA procurou pela advogada, condenada a pagar a indenização, por dois dias, mas ela preferiu não se manifestar.

No entanto, ao site G1, Vivian Oliveira disse que ainda não sabe se vai recorrer da decisão. 

“Não me vinguei, apenas foi a maneira que encontrei para resolver a situação”, afirma. “Não sei se fiz certo ou errado [referindo-se ao fato de ter filmado a conversa com Juliana e postado o vídeo no YouTube quando descobriu a traição], mas sei que hoje isso não aconteceria mais. Amadureci e estou mais vivida”, finaliza.

Na rede

“Lembra a traída de Sorocaba q gravou um vídeo humilhando a amiga q teve caso com o marido? Deu muito certo não”
Tadeu Medeiros, no Twitter


“É um absurdo, a que ponto chegamos, é uma vergonha, que lei e essa? Já pensou se vira moda?”
Regina Melo, no Portal BOM DIA

“Vocês lembram deste caso? Ela se vingou, todo mundo gostou, mas agora ela vai ter que pagar”
Romullo Pontes, no Twitter

“Certo ou errado? Não tô justificando a atitude da ‘corna’, mas eu ainda tenho alguns valores”
Eric G. Oliveira, no Twitter

“Tá provado que a lei favorece sempre o bandido, o errado, o malandro. Por isso esses mesmos não tem interesse nenhum em mudar de vida”
Marli Pinheiro, no Portal BOM DIA

“Os valores desse mundo estão realmente mudados e isso me dá medo!”
Maicon Souza, no Twitter

Entenda o caso

Tudo começou em 2010
Em 2010, Vivian Oliveira descobriu que a melhor amiga, Juliana Cordeiro, era amante do seu marido, Cícero Oliveira, 57. Ela, então, reuniu provas do adultério e filmou a conversa com a amiga. 

O vídeo, posteriormente, foi divulgado na internet. Foi por este ato que Vivian acabou condenada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo a pagar uma indenização equivalente a cem salários mínimos a Juliana. 
Na época, a repercussão do caso foi tanta que várias emissoras de TV fizeram programas – inclusive o Fantástico – e exibiram as imagens que estavam no YouTube. 

O acórdão foi finalizado anteontem. Vivian Oliveira terá cerca de dois meses para pagar os R$ 67,8 mil, se não recorrer ao Superior Tribunal de Justiça.

Postar um comentário
UA-15674926-13