983706779

sexta-feira, 22 de março de 2013

Pet2mate: a rede social para animais

Rede social
Pet2mate: a rede social para animais
Designer português desenvolveu uma rede social onde é possível criar perfis para os animais de estimação. Objetivo é criar uma comunidade, entre donos, veterinários e lojas de animais


O teu cão sente-se só e desejas encontrar uma namorada para ele? Oferecestes uma gata bebê e queres saber como ela está crescendo? O melhor é registrar-te no pet2mate. Esta rede social destina-se a donos de animais de estimação ou a aficionados do mundo animal, e permite que estes agreguem às suas páginas os perfis dos seus animais.

A ideia é do designer e programador Afonso Barbosa e tudo começou com a sua gata persa. “Procurei no Facebook um gato para fazer criação de gatos persa. A minha publicação teve mais de 200 comentários e percebi que algumas das pessoas que comentaram já tinham feito criação com os seus animais. Percebi que havia potencial em criar uma rede social para animais, de forma a ligar todas estas pessoas”, explicou ao P3 o autor do pet2mate.

Neste momento, só é possível registar cães e gatos, mas está planejada a inclusão de espécies como coelhos, hamsters, entre outros.

Esta é uma rede diferente do Facebook, no que diz respeito à lógica de funcionamento, defende Afonso Barbosa: “No Facebook, o utilizador cria o seu perfil, ou seja, é uma rede com um nível. A pet2mate é uma rede a dois níveis: os utilizadores criam os seus perfis mas, agregados a estes, estão os perfis dos seus animais.”

Para além dos conteúdos introduzidos pelos utilizadores, existe o “wikipets”, onde é possível encontrar informações úteis sobre animais.

Comunidade

Esta rede tem como objectivo criar uma comunidade em torno dos animais de estimação. “Já temos lojas de animais e veterinários registados na rede. O objectivo é que os utilizadores possam saber, rapidamente, onde se encontra o veterinário mais próximo ou encontrar um animal que esteja à espera de ser adotado, numa loja de animais”, afirma Afonso Barbosa. Um utilizador que adote um animal pode, imediatamente, criar-lhe um perfil ou, caso já exista, agregá-lo à sua página.

Segundo o designer, fotógrafos ou bancos de imagem podem vir a associar-se a esta rede, para procurarem animais para trabalhos fotográficos ou campanhas publicitárias. Mas não só: "hotéis para animais ou livrarias que queiram divulgar livros sobre o mundo animal" também poderão entrar na pet2mate.

Esta rede está disponível através de uma aplicação para iPhone. Porém, Afonso Barbosa pretende desenvolver a versão para Android e, antes disso, criar a versão web desta rede. “A versão web vai ser mais colorida, mais apelativa, para captarmos um público mais jovem. Queremos que as crianças percebam que os animais são mais do que isso: são amigos.”

Postar um comentário
UA-15674926-13