983706779

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Como devo divulgar minha empresa na busca de novos clientes?

Revista PEGN

TRÊS EMPREENDEDORES CONTAM SUAS ESTRATÉGIAS
(Algumas idéias, como a da comunidade do Orkut, já estão ultrapassadas, mas dá para se inspirar e criar novas ações, tais como um grupo no facebook ou google plus. A questão é inovar e manter a interação com o cliente)

CRISTINA FRANCO é franqueadora da rede Bit Company, de cursos profissionalizantes, de informática e de idiomas 

QUAL É O MAIOR ACERTO? >>> Incentivamos a propaganda boca a boca. Afinal, ninguém melhor do que nossos 30 mil alunos para trazer novos estudantes à rede. Hoje, cerca de 20% das nossas matrículas são resultados de indicações internas, incentivadas por sorteios e distribuição de brindes.
COMO FUNCIONA? >>> Neste ano estamos sorteando um notebook por mês entre alunos de nossas 130 unidades. A cada amigo matriculado, nossos estudantes ganham um cupom para participar da promoção. Nossos franqueados também podem distribuir cupons para o sorteio a quem for à aula vestindo a camiseta da escola ou se inscrever em novos cursos. Ainda distribuímos brindes como mochilas ou camisetas.
ONDE NÃO FOMOS TÃO BEM? >>> Há dois anos sorteamos uma casa entre os alunos. Embora a campanha não tenha sido malsucedida, hoje preferimos sortear uma quantidade maior de itens de menor valor. Com a nova estratégia, crescem as chances de premiação e aumenta o nível de participação na campanha 


ALVARO AOÁS é sócio do tradicional Bar Brahma, com três casas na cidade de São Paulo e uma unidade em Brasília 

QUAL É O MAIOR ACERTO? >>> Concentramos os esforços em atrair a atenção da mídia com a realização de shows e eventos. Também divulgamos nossa programação pelo Twitter e em nossa comunidade no Orkut.
COMO FUNCIONA? >>> Pelos nossos palcos já passou gente como Elza Soares, Cauby Peixoto e Ângela Maria. Também temos um camarote no carnaval paulista e organizamos passeios turísticos em São Paulo. Neste ano, para comemorar o aniversário da cidade, organizamos um passeio de motos e bicicletas com paradas em quatro bares paulistanos, com o Brahma como destino final. Com tudo isso, ganhamos espaço na cobertura cultural de jornais e revistas 

ONDE NÃO FOMOS TÃO BEM? >>> Logo que começamos, em 2001, apostamos na divulgação com distribuição de folhetos pelas redondezas. Acabamos percebendo que não era lá que estava nosso público. Não podemos tratar o bar como ponto de passagem, mas como um destino de gente espalhada pela cidade inteira 


RENATO NUNES, sócio do Armarinho Artfios, e da loja virtual Clickfios.com, especializados em itens para artesanato e de cama, mesa e banho 

QUAL É O MAIOR ACERTO? >>> Para divulgar nossa loja virtual, inaugurada há um ano, criamos um blog que traz, entre outras coisas, receitas de tricô. Também fechamos parcerias com clientes e fornecedores para divulgação de nosso site 

COMO FUNCIONA? >>> Temos links para nossa loja virtual publicados em 18 sites e blogs de clientes, como professoras de artesanato, e de fornecedores, como fabricantes de linhas e agulhas. Em troca, divulgamos o link deles em nossa página na internet. A estratégia ajudou nosso faturamento a aumentar 18% nos últimos 12 meses, em comparação com igual período anterior 

ONDE NÃO FOMOS TÃO BEM? >>> Se tivéssemos apostado mais cedo na internet como canal de divulgação e vendas, talvez hoje as vendas fossem maiores. Agora, para recuperar o tempo perdido, vamos começar a investir em links patrocinados no Google.

Revista PEGN
Postar um comentário
UA-15674926-13